sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Escola Rosa Benatti participa da 22ª OEBA.

      Quem acompanhou os jogos da 22º Olimpíada Estudantil de Bariri (OEBA), realizada de 3 a 11 de outubro, pôde observar o quanto os mesmos foram importantes para os alunos. Com o esporte, o aluno aprende a respeitar regras, a perder, a ganhar, a ficar no banco de reservas, a dividir a bola, lançar para o colega, tirar a bola do adversário, gritar pedindo a redonda e trabalhar em grupo. Aprendem também que o importante não é só vencer e sim participar, pois se estavam lá, é porque já eram destaques na escola.
      Durante a semana dos jogos, quem esteve lá registrou muitas emoções: alunos felizes com a vitória, outros tristes por terem perdido, aluna brava porque ficou no banco e outra que, quando viu o pai na porta do clube, correu ao seu encontro e começou a chorar só porque tinha ficado em segundo lugar. Ela queria o ouro!
       Um técnico rouco, outro ficando com o rosto todo vermelho, outro com sua voz grossa, falando firme com os alunos e ao mesmo tempo exigindo que a marcação dos juízes fosse correta.
       Juiz firme, discutindo com o técnico e dando até cartão amarelo!
      Os professores de Educação Física com trabalho sério demonstraram o quanto valorizam o esporte, gostam da profissão e, ao mesmo tempo que exigiam que os alunos dessem o melhor de si, também diziam: “Está bom! Valeu!”.
      Foi emocionante ver a garra das crianças, a força de vontade, o nervosismo em quadra, a torcida vibrando, o brilho nos olhos, o suor no rosto, o sorriso e até mesmo as lágrimas... Tudo isso demonstra que o esporte é um ótimo caminho pelo qual podemos educar nossas crianças, incentivá-las e que devemos valorizar mais o esporte nas escolas e no município.
      Durante o evento, uma jovem de 24 anos passou por alguns minutos na quadra e assistiu com o filho nos braços, ao jogo de basquete entre Rosa Benatti e Julieta. Lágrimas caíram de seu rosto, ao ser questionada pelo motivo, ela respondeu: “Porque estou me lembrando do tempo em que eu participava da OEBA!”.
      As emoções e o aprendizado vividos por esses alunos ficarão guardados para sempre em suas memórias.
      A OEBA deve ocorrer todos os anos, de forma organizada, colocando o evento no calendário escolar já no começo do ano e com estrutura de transporte para as escolas.
      Nossos pequenos atletas agradecem!


Equipe da Escola Rosa Benatti







































Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário